• Fábio Henrique Araújo

Saúde 4.0 News - edição #72

Resumo semanal de notícias sobre Tecnologia, Inovação e Gestão na Saúde 4.0






1) Gadget de telemedicina coloca consultório dentro da sua casa


Lá nos EUA, primeiro país a adotar a telemedicina de forma ampla, a empresa Tyto lançou o TytoHome, um serviço de consulta à distância que inclui um gadget de videoconferência  com acessórios que contam com sensores. Por meio do dispositivo e um aplicativo, esses sensores enviam dados em tempo real para o médico. O gadget funciona como um módulo central, que é equipado com um termômetro e uma câmera de alta resolução. Esse módulo funciona acoplado a três acessórios.


No geral, é possível realizar consultas para checar o coração, a garganta, o ouvido, os pulmões e até a pele. Na prática, esses são basicamente os exames realizados num consultório. O aplicativo serve para falar com o médico durante a consulta e checar os resultados dos exames. Todos os dados e imagens captados pelo gadget e seus acessórios são enviados em tempo real para o médico, que vai orientando o paciente sobre como manusear os acessórios e conduzir a consulta. (...) (Fonte: ShowMeTech)





2) Médicos se preparam para implantar primeiro olho biônico humano do mundo


Pesquisadores da Monash University, na Austrália, trabalham há mais de uma década no desenvolvimento de um dispositivo que pode restaurar a visão de pessoas cegas por meio de aparelhos implantados no cérebro. Nesta segunda-feira (14), a instituição de ensino anunciou que, após o sucesso de experimentos com animais, o projeto caminha para a fase de ensaios clínicos em humanos.


A tecnologia, batizada de Gennaris, promete assistir pacientes com nervos ópticos comprometidos. Essa condição impede que os sinais captados pela retina sejam transmitidos para regiões do cérebro e resulta em quadros de cegueira. O sistema envolve um capacete equipado com uma câmera e uma unidade de processamento, que apresenta tamanho semelhante ao de um smartphone, dizem os pesquisadores. (...) (Fonte: Olhar Digital)





3) Ataque de ransomware afeta rede de hospitais nos EUA


A United Health Services, um dos maiores provedores de serviços de saúde dos EUA, foi vítima de um ataque de ransomware que tirou do ar várias de suas unidades. Segundo o TechCrunch, o ataque começou na manhã de domingo (27) e desabilitou sistemas de computador e de telefonia da empresa em várias partes do país, como a Califórnia e a Flórida. Um funcionário disse que no momento do ataque os computadores mostraram na tela uma mensagem fazendo referência a um "universo sombrio", característica de um malware conhecido como Ryuk e ligado a um grupo de cybercriminosos russo conhecido como Wizard Spider.


De acordo com a NBC News, algumas unidades estão recorrendo a papel e caneta para anotar dados de pacientes. A UHS publicou um comunicado onde afirma: "implementamos extensivos protocolos de segurança de TI e estamos trabalhando diligentemente com nossos parceiros de segurança da informação para restaurar nossa operação de TI o mais rápido possível". "Enquanto isso, nossas unidades estão usando processos estabelecidos de backup, incluindo documentação offline. O cuidado aos pacientes continua a ser dispensado de forma segura e eficaz. Nenhum dado de pacientes ou funcionários parece ter sido acessado, copiado ou comprometido de outra forma", disse. (...) (Fonte: Olhar Digital)


11 visualizações

©2019 Todos os direitos reservados. Consultório 4.0